Operação PREC ou antes do arquivo

 

Antecipando a instalação do seu “Arquivo Vivo” em Marvila, o Teatro do Vestido -companhia de teatro apaixonada por histórias e por pessoas e lugares, e cheia de objectos, de documentos para partilhar com todos – vem por este meio apresentar-se à comunidade de Marvila. Chegamos aqui a fazer teatro – que é como sabemos chegar às coisas e às pessoas, com este OPERAÇÃO PREC OU ANTES DO ARQUIVO. Fica marcado este nosso primeiro encontro, a que muitos se seguirão. Abraços fraternos, a acreditar no futuro. Até já!

 


 

E se a minha casa estivesse dentro de mim?
Como se mostrar a minha casa fosse mostrar aquilo que sou.

As danças, os cheiros, as obras, as músicas, as placas de lusalite, as avós e os avôs.
O calor que já não existe mas que ainda sinto perto de mim.

Onde acaba a revolução?

Desenho tudo aquilo de que me lembro e gostava que, depois de hoje, te lembrasses também.
Onde antes estava tudo agora não existe nada. Só a memória de um entulho que, de vez em quando, me entulha a memória, e aí eu paro e reconstruo tudo outra vez.
Bom no meio disto, é tu estares aí a ajudares-me a lembrar. Ontem, hoje e amanhã.

“Operação PREC ou antes do arquivo” são todas essas memórias que ansiamos partilhar com o coração aberto como a porta de uma casa por onde possas entrar e tomar um caldo quente daqueles que aquece a alma; como se fosse possível aquecer a alma…

Seria, por certo, um feito especial.
Hoje é, por certo, um dia especial.
Hoje é dia de teatro.
Obrigado.

 

Estêvão Antunes


Ficha PREC

 

 

This entry was posted in TdV. Bookmark the permalink.

Comments are closed.