QUANDO O MUSEU VIVO SE TORNA FÍSICO

JPSERAFIM 011©João Paulo Serafim

Quando o museu vivo se torna físico

Instalação de materiais, matérias, interrogações e ideias de Um Museu Vivo de Memórias Pequenas e Esquecidas

12 a 15 de Dezembro // 10h30 e 14h30 (sessões para escolas)

16 a 18 de Dezembro // 18h

Teatro São Luiz

Uma exposição performática em torno do acervo reunido por Joana Craveiro para Um Museu Vivo de Memórias Pequenas e Esquecidas, um espectáculo documental construído a partir de memórias e de histórias pessoais da ditadura portuguesa, da revolução do 25 de Abril de 1974 e do processo revolucionário que se lhe seguiu. Nesta exposição, Joana Craveiro e o Teatro do Vestido, em colaboração com João Paulo Serafim, organizam os materiais que decorrem da pesquisa exaustiva que está na base do espectáculo, abrindo e disponibilizando (quase todos) os arquivos, e contando, à margem do espectáculo, ainda outras histórias sobre tudo isso.

Direcção, texto e interpretação da visita guiada: Joana Craveiro
Interpretação: Carlos Nery, Estêvão Antunes,  Rosinda Costa e Tânia Guerreiro
Co-criação e colaboração criativa: Cláudia Teixeira, João Cachulo, João Paulo Serafim, Rosinda Costa e Tânia Guerreiro
Iluminação: João Cachulo
Produção: Cláudia Teixeira
Assistência de produção: Mafalda Rôla
Co-produção: Teatro do Vestido e Teatro São Luiz

Uma criação do Teatro do Vestido

Duração: 1h45 (aproximadamente)
M/12
O espectáculo não é indicado a pessoas com mobilidade reduzida.

Para mais informações, por favor consulte o site do Teatro São Luiz

O Teatro do Vestido é uma estrutura financiada pelo Governo de Portugal / Ministério da Cultura/ Direcção-Geral das Artes

 

governo-de-portugal-2dgartes_logo

Posted in TdV | Comments Off